Edição 491 de 13/02/2015

2015 – Coloque a cabeça fora do rebanho

A história se repete sempre no começo do ano, fazemos projeções, promessas e planejamentos para o cumprimento de alguma meta ou desejo. Na verdade fazemos tudo igual a muitos outros, sempre desejamos o melhor para nós. Muitos destes desejos se perdem ao longo do ano pelo simples fato que todos desejam, mas poucos ousam em realizar os sonhos, as necessidades.

Aprender a fazer a coisa certa de forma diferenciada da mesmice que nos cerca é importante. Coloque sua cabeça fora do rebanho, seja diferente. Aviste aquilo que muitos não enxergam, oportunidades escondidas. Ainda, crie as oportunidades. Falta ousadia para muitos em uma empresa. Todos agem e pensam da mesma maneira, poucos se destacam e, quando se destacam, geralmente ascendem profissionalmente.

O diferencial de pessoas ousadas começa sempre em saber o que querem. Muitos desejam algo que nem sabem se podem cumprir. Saber o que deseja é importante, traçar caminhos para seguir nos faz trilhar com segurança. Planeje, coloque e escreva coisas que desejaria realizar este ano, planeje as formas de chegar. Quando se esta em um caminho que não se conhece fica difícil de encontrar a saída. Assim é na vida profissional, pesquise e muito seus desejos e a forma de alcançá-los. Analise se tais são possíveis. Tinha uma colega de trabalho que traçou uma meta para sua vida. Lembro-me que ela, após muitos anos como funcionária pública do município, não desejava mais trabalhar para o município, estava frustrada, e me confidenciou que embora trabalhasse há muito tempo, não fazia o que gostava e queria mudar de vida profissional. Assim vislumbrou a chance de ter uma bolsa de estudo que conseguiu e cursou em uma faculdade o curso de fisioterapia. Hoje, depois de formada, pediu exoneração e exerce e trabalha na UNESP como fisioterapeuta. 

O grande problema de muitos é que, embora tenham o desejo e as promessas, não tomam a atitude para mudar, isto é olhar à frente, ter a vontade de alterar e planejar a mudança, somente acreditam que podem. Mas a melhor mudança de todas vem de dentro da pessoa. Não se transforma o exterior de nossa vida se o interior não se transformar. Por isso que alguns conseguem o sucesso e a grande maioria fica somente nas palavras e desejos. A atitude de mudar precisa ser tomada dentro de si, assim as coisas vão se transformando gradativamente.

Tudo isto se faz com metas de desenvolvimento pessoal. Primeiro o desejo, depois a atitude, no entanto planeje seu caminho, ache a forma adequada para atingir seu objetivo pessoal e profissional. Existe sim formas de atingir o crescimento, acredite nisso, no entanto a maioria esbarra nas dificuldades. Dificuldades sempre aparecerão, faz parte do desenvolvimento humano, no entanto, aquele que esta um passo à frente dos outros sempre as superam para atingir o objetivo do sucesso profissional.

Compartilhe sempre suas metas com pessoas que desejam também atingir o sucesso profissional, envolva as pessoas, esta troca de experiências é útil, pois, no aprendizado dos outros esta a lição que necessitamos.

Entenda que sempre muitos ficarão estagnados em seus sonhos e necessidades. A maioria do rebanho de pessoas nasce para ser conduzida, ou seja, tem fome de mudar mas se convence que é mais fácil se alimentar daquilo que é fornecido, por isso continua com fome. É o conformismo que agasalha a alma destes, poucos não aceitarão somente o alimento da mudança fornecido, mas procurarão outras fontes para alimentar sua fome de mudança, ou seja, não ficarão estagnados sentados em uma mesa reclamando que não esta bom, sempre procurarão o melhor.

A mudança de vida parte da vontade da ação e, sobretudo, na fé que se pode mudar o destino de nossas vidas. O rebanho continua sendo o rebanho, mas sempre alguém destoará deste. 

Central São-manuelense de Comunicação – Jornal O Debate, Rua Cel. Rodrigues Simões, 69
Centro – São Manuel – SP, Telefones (14) 3842.3637 / 3841-4459 – contato
Desenvolvimento e Hospedagem: TeraQualy